Editora Arwen

Resenha # Lago Negro

14:00

Verônica é uma garota problemática marcada por um passado traumático do qual mal se lembra, mas que lhe tirou o direito à total sanidade. Ao se mudar para o interior, depois de passar no vestibular, ela se depara com o local perfeito para se inspirar e, finalmente, transformar seus personagens imaginários em um livro. Lagoana é uma cidade nebulosa, úmida, habitada por almas quietas e pouco amigáveis. Porém, o clima obscuro não despertará somente a criatividade, mas também acordará seus fantasmas mais profundos.Prestes a perder o controle sobre sua trama e sua mente, Verônica conhece um estrangeiro de sorriso cafajeste e olhos azuis e, desconfiada de suas intenções, ela guarda segredo quanto ao seu livro, mas não sabe que Liam também tem os seus. Verônica nem desconfia, mas eles podem ser a chave para os mistérios que a rondaram durante toda sua vida. Assim, o lago negro de sua imaginação será, definitivamente, o estopim para toda sua loucura emergir. O que será que ele esconde no fundo de suas águas escuras?





Autora: Juliana Daglio
Pág. 355
Editora: Arwen 
Classificação: 

Verônica Cattani não sabia de fato o que tinha acontecido com ela, se o que viveu era a mais pura realidade, ou feito da sua imaginação e isso a afetou.

Ela resolveu se mudar com seu namorado Enzo para Lagoa a, uma cidade interiorana onde iria para a faculdade, mas o que não imaginava era que existia uma cidade como aquela no Brasil.

“Em quinze minutos de uma viagem incomumente silenciosa avisamos o prédio da Universidade Federal Interiorana de Alagoana, com sua fachada de vidro e cúpula azul onde ficava q biblioteca, exatamente como dizia no folheto.” Pág 32

Enquanto Enzo estava entusiasmado com a faculdade, Verônica entendiada, querendo começar a escrever logo seu livro, colocar no papel tudo o que se passava em sua mente.

Ela queria desvendar os mistérios daquela cidade e tentar quebrar a resistência da população com relação as pessoas que v de fora, mas nas suas andanças acaba conhecendo Katarina e Vicente Caprini e a filha dele de 2 anos Lizandra.

Esse casal vive isoladores todos e Verônica queria saber o motivo, mas fica surpresa com o convite de tomar conta da filha deles, mas acaba aceitando.

Ela continua prosseguindo com seu livro e sua amizade com Carol, vai se fortalecendo ao mesmo passo que seu namoro vai esfriando e para piorar, algo trágico acontece mais vez em sua vida.

Liam, que se apresenta como jornalista, chega a cidade e  acaba desconfiado dele. Ele não sabe o motivo dessa desconfiança, mas se sente atraído com ela, mas em um encontro com seu pai Carlos Velásquez ( que é amigo de Andreas, pai de Verônica), ambos acabam descobrindo suas identidades e ele se compromete a sempre protegê-la.

Verônica sabe que tem algo estranho que envolve seu pai e continua investigando, mas aos poucos vai lembrando de alguma coisa e Liam estava ao seu lado.

Ela acaba correndo perigo, junto com a pequena Lizandra e Liam surta, indo atrás daquela que sempre habitou seus pensamentos e contou com uma ajuda nada convencional, descobrindo ainda mais coisas sobre o passado de Andreas.


Quando ela está se recuperando do ataque que sofreu, acaba descobrindo mais coisas sobre seu passado, através de Liam e sua avó, que a deixa atordoada.


Estava esperando para poder ler essa história por causa das continuações, mas confesso que me arrependo de não ter lido antes, pois a história é fascinante, cheia de altos e baixos e com a característica marcante da autora que é a parte da psicologia.

Outra coisa que me chama a atenção na obra é a parte da fantasia, muito bem explorada e que me fez ler o livro em um dia.

Os personagens são fascinantes, tanto os principais como secundários, mas tenho que destacar a determinação de Verônica, mesmo com seus fantasmas e a determinação e charme de Liam.

A narrativa da autora é única e vemos tudo pela visão de Verônica.

A revisão está falha em  momentos, mas nada que atrapalhe a leitura.

A capa e a diagramação estão perfeitas!


Que venha Submersão!!!

Catarina Muniz

Resenha # Love is in The Air

14:00

Ah, o Amor! As dificuldades, os calafrios, os encontros inesperados, os pensamentos loucos...
Nos quatro contos de Love is in the air você vai conhecer lindas histórias, românticas e quentes, sobre esse sentimento cheio de altos e baixos. 
Com prefácio escrito por Nana Pauvolih, as autoras: Eva Zooks, Tamires Barcellos, Catarina Muniz e Paola Scott apresentam contos ambientados em Londres — a terra da Rainha, do chá e de cenários incríveis — para você se apaixonar como nunca antes.

Autoras: Eva Zooks, Tamires Barcelos, Catarina Muniz e Paola Scott 
Pág 251 
Editora: Ler
Classificação: 





O livro é composto por 4 contos e no decorrer dá resenha vou falar um pouco sobre eles.

O primeiro conto Lembrança de um Outono  em Londres é da querida e talentosa Eva Zooks.

Gabriela e Edmond são totalmente apaixonados, mas esse amor passa por uma certa adversidade graças a Arthur, a quem Edmond tinha como irmão.

“- Só quero que me diga seu verme porque me traiu da pior forma possível? Logo você a quem considerava como irmão.” Pág 26

O segundo conto é Sussurros do Coração da autora Tamires Barcelos

Samantha era criada de uma maneira rígida por seus pais, não podia sair sozinha, mas felizmente podia ir para a biblioteca. Um belo dia quando voltava para casa, ela conhece o novo vizinho e se encanta por ele.

Ela não sossega enquanto não encontra esse homem, para agradecer o que tinha feito por ela em decorrência disso ela acaba sabendo que esse homem lindo e misterioso se chama Henry.

Aos poucos eles foram se aproximando trazendo aquilo que mais lhe faltavam.

O terceiro conto é A mania de Ninfa da autora Catarina Muniz

Nesse conto conhecemos os médicos Elizabeth e Richard, eles trabalham no St. Mary Hospital. Mesmo eles trabalhando juntos, um não dava bola para o outro.

Mas isso muda um belo dia por causa de uma fofoca de como Elizabeth aliviava a tensão do trabalho, fazendo Richard observá-la melhor e com isso ele queria a todo custo conquistá-la.

Quando finalmente a conquista ele nota que tem algo estranho com ela, ele tenta ajudá-lo lá, mas ela não quer e com isso após um certo tempo acabam se separando.
Richard tentando seguir com sua vida, se casa e constitui família, mas sem nunca esquecer Elizabeth e quando se reencontram a chama está ainda mais acesa.

“Liz baixou os olhos, pensativa. Percebi que havia mexido com ela, pois aquele olhar era diferente dos que costumava me remeter. Após alguns segundos de silêncio, falei que sentia a falta dela. “ Pág 154

Agora eles terão que dar mais um passo nesse relacionamento e Richard terá que ser forte pelos dois.

O último conto é Nos arredores de Londres da Paola Scott

Catarina saiu de Porto Alegre, após completar a faculdade de Letras e foi para São Paulo fazer especialização em Literatura Contemporânea Estrangeira e mestrado em Literatura e Crítica Literária.
Agora, após ter assinado um contrato para trabalhar como tradutora em uma grande editora, ela fará uma viagem pra Londres, mas sem sua amiga Nicole que estava esperando Amelia.

“Sonhávamos em fazer essa viagem juntas. E há tempos estávamos poupando dinheiro. Principalmente porque minha amiga fazia questão de um bom hotel. Eu encarava numa boa um hostel.” Pág 190

Em sua viagem, quando vai autografar um livro, ela acaba conhecendo Sebastian, a autor pelo qual esperava na fila e se encanta por ele.

Sebastian também se encantou por ela e resolveu chamá-la para sair e ela aceitou prontamente.

Os dois viveram em Londres momentos inesquecíveis e a despedida foi bem sentida pelos dois, mas quando menos esperava Sebastian faz uma surpresa.



Nossa, como é difícil falar de cada conto e posso dizer com todas as letras que o que mais gostei foi nos Arredores de Londres, sinceramente foi de longe o que me fez ficar mais apaixonada, ansiando por ter mais detalhes, principalmente do Lenhador ( só lendo para saber .kkkkk)

As autoras foram sublimes em falar sobre o amor, esse sentimento tão impactante em nossas vidas.

Foi uma sacada de mestre reunir todas essas maravilhosas autoras.

A capa e diagramação estão perfeitas.

A revisão está impecável, não deixando nada a desejar!


Que venha Love Is In The Air 2!!

Helena Andrade

Resenha # Simplesmente Amor

14:00

Um amor que nem mesmo a perda
da memória foi capaz de apagar.

Imagine encontrar o amor verdadeiro, vivenciá-lo em sua plenitude e depois perdê-lo nas entranhas da mente.
Ao realizar uma viagem de férias à Europa, Alícia vive momentos que não só podem mudar seu futuro, mas também lhe trazem revelações do passado. Quando retorna ao Brasil, um acidente a coloca entre a vida e a morte, tendo como consequência a perda das lembranças. Sem consciência de suas experiências, ela retoma sua vida, casa com o antigo namorado e deixa o acaso conduzi-la. Porém, seu corpo começa a mostrar-lhe que existem mistérios por trás da amnésia, algo tão profundo que nem mesmo a perda da memória foi capaz de apagar.

Autora: Helena Andrade 
Pág. 215
Editora: Ler 
Classificação:




Alícia é uma bela e jovem advogada, ela está em uma viagem de férias, passando por alguns lugares da Europa e lá acaba vivendo um grande romance, mas não estava sabendo lidar com esse sentimento, pois em poucos dias teria que voltar ao Brasil.

Quando finalmente retorna ao Brasil, sua cunhada Milena vai buscá-la  no aeroporto, mas infelizmente as coisas não saem como planejado e acabam sofrendo um acidente de carro.

“Onde estou? Será que foi grave o bastante para eu estar na UTI?
Sim, porque aqui devia ser um hospital.” Pág 17

Quando Alicia acorda, ela estava com perda parcial da memória, não lembrava de fatos recentes é isso a deixou preocupada, ainda mais por descobrir que estava grávida, pois não se lembrava como tinha acontecido e muito menos do romance que viveu.

Caio, o então namorado que tinha terminado com ela antes da viagem a pede em casamento e ela acaba aceitando, mesmo em seu íntimo sabendo que algo estava diferente.

Durante todo o tempo ela tentou se lembrar de tudo o que aconteceu antes do acidente, mas para piorar a situação, cai uma outra bomba em sua vida.

Agora casada e com um lindo filho, ela retoma sua vida profissional e consegue um bela emprego e através de um cliente ela “conhece” Miguel, um excelente arquiteto que vive em Londres e que mexe demais com ela, ainda mais agora com seu casamento acabando.

Miguel aos poucos vai se aproximando de Alicia ( agora separada) e acabam se entregando a esse sentimento mesmo com medo, principalmente por causa de seu filho.
Como tudo pode desandar um pouco, ela descobre da pior forma possível algo sobre sua viagem e que Miguel já tinha uma grande importância em sua vida é assim todos os mistérios que a rondam vão se elucidando.



Esse é meu primeiro contato com a escrita da autora e me apaixonei pelo modo que foi conduzido esse romance cheio de reviravoltas. Quando li a sinopse não esperava que me emocionaria tanto, pois Alicia se vê sem rumo e fica assim por algum tempo até Miguel lhe dar direção.

Os personagens são magníficos e com personalidades bem marcantes.

A narrativa ocorre de maneira leve e fluida.
A capa, assim como a diagramação estão perfeitas, fiquei encantada.
A revisão como sempre está impecável, não encontrei nenhum erro.


Recomendo a todos lerem essa história de amor.

Halice FRS

Resenha # Doce Sedução

16:14

Obcecado pela jovem jornalista Danielle Hall desde que a viu no Central Park, o vampiro Ethan McCain não mediu esforços até atraí-la. Em sua arrogância, acreditou que a descartaria depois de possuí-la. Para sua consternação, apaixonou-se antes mesmo de conquistá-la. Agora, depois de desencontros, erros e acertos estavam próximos, porém a humana não lhe pertencia completamente. 

Seria preciso despertar em Danielle a mesma paixão para que ela aceitasse viver eternamente ao seu lado. E enquanto a seduzisse, Ethan deveria aprender a lidar com sentimentos inéditos como passionalidade e insegurança. Sensações potencializadas nele que dificultavam o momento de revelar sua imortalidade e abalavam sua liderança sobre os vampiros do grupo, deixando todos vulneráveis ao inimigo, cada vez mais próximo. 
N/A: Segundo livro da Série Amor Imortal, Doce Sedução é um romance sobrenatural para jovens adultos, contém sexo e violência. 
Autora: Halice FRS
Pág. 318 
Editora: Ler
Classificação:


Danielle de certa forma estava encantada com Ethan McCain, mais do que ela mesma imagina, pois estava até sonhando com ele, ainda mais ele se fazendo tão presente após o que tinha ocorrido com ela.

Ethan mesmo querendo Danielle a todo custo procurou saber mais sobre ela, por causa do receio sobre a maldição que lhe foi lançada no passado e por estava um pouco desnorteado.

“Já sei o que vai dizer e acredite – ele a cortou gentilmente, aproximando-se – aceitar que Danielle nasceu especialmente para fica comigo só agrava a minha culpa. – Sem que Joly esperasse, Ethan beijou-lhe o alto da cabeça e se afastou. “ Pág 35

Ela estava a cada dia mais mais apaixonada por Ethan, mesmo sem saber sua origem e os perigos que ela estava correndo e tudo o que ele estava fazendo.

Eles finalmente engatam um namoro e Ethan resolve após um tempo lhe revelar sua origem, mesmo com medo de não ser aceito e Joly estava sempre o aconselhando a dar esse passo.

“Danielle não aceitaria. Ao ouvir o tamborilar do coração humano e o tom incerto, Ethan soube com toda a força que ocorria em seu ser que ela não aceitaria. “ Pág 182

Danielle acaba descobrindo da pior forma possível o que Ethan iria lhe contar aquele dia, causando assim um grande mal estar não só com ele, mas a Thomas e Joly também, deixando Ethan desesperado, querendo desistir de tudo.




A autora soube me cativar ainda mais na sequência e confesso que terminou a história deixando com gostinho de quero mais, quero muito mais de Ethan, ainda mais depois do tanto que sofreu. Nossa cheguei a sentir pena dele!

Os personagens continuam maravilhosos e vemos agora uma Danielle com mais determinação.

A narrativa continua ocorrendo de uma maneira bem fluida.

A capa, diagramação e revisão estão impecáveis, como sempre a editora fez um excelente trabalho.


Aguardando ansiosamente o final da história! 

Elizabeth Bezerra

Resenha # Além da Atração

08:00

Resenha Além da Atração


Penélope Walker veio a New York para fugir de sua pequena cidade natal, onde todos se conhecem e os curiosos cuidam da vida de todos. E, com certeza, uma noiva abandonada no altar é um prato cheio para os fofoqueiros de plantão. 
Um casamento não realizado, um pai opressor e uma mãe omissa são suas motivações para decidir reconstruir sua vida bem longe daquele lugar. Ela vê todos os seus sonhos começarem a se tornar realidade quando consegue um emprego na Durant Entertainment Technology - DET. 
Em uma nova cidade e com um excelente emprego, tudo parece perfeito. O que não está em seus planos é se apaixonar pelo advogado e melhor amigo de seu chefe. 
Adam é tudo o que qualquer mulher sonha em ter ao seu lado, mas, infelizmente, para ela, ele é inalcançável. Ele ainda sofre com a morte da ex-noiva e a do bebê não nascido e se culpa por isso, não estando disposto a entregar seu coração outra vez... Ele não tem esse direito. 


Enquanto Penélope tenta lutar contra esse sentimento, Adam não consegue ficar longe dela. 
Ela deseja amor. Ele quer sexo. 
Juntos, eles vivem uma relação apaixonante e conturbada, que vai muito “Além da Atração”.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Instagram

Assine

Follow

Linke-nos

Blog Canteiro de Obras Literárias