Resenha # Freud Me Tira Dessa!

18:56

Catarina é uma jovem que passa a morar sozinha em função do novo emprego. Dona de uma vida amorosa catastrófica e disposta a rever suas escolhas, Cat busca ajuda na psicoterapia. Como se não bastasse o dolorido processo de conhecer a si mesma e de adentrar na relação com seus familiares, Catarina se apaixona pelo seu terapeuta. No auge de sua angústia, a personagem recorre ao pai da Psicanálise para sair dessa.
Por meio das confusões de Cat, é possível não simplesmente rir, mas também se identificar com a profunda trajetória de autoconhecimento e aceitação da própria história.







 Ficha Técnica:

Livro: Freud Me Tira Dessa!
Autora: Laura Conrado
Editora: Novo Século
Classificação: Excelente
Páginas: 239


O livro tem a gramatura boa e  leve de ler. Simplesmente maravilhoso, impossível não se identificar em várias situações.
Nesse check  List maravilhoso, veremos os conflitos de Cat, na sua nova vida morando longe dos pais e familiares. Mas Cat sempre gostou do cara errado. Então depois de uns amores fracassados ela resolver  fazer terapia e só para variar ela se apaixona pelo cara mais impossível: seu TERAPEUTA .

“ Para me valorizar, disse que, embora houvesse pretendentes , eu ainda estava buscando alguém especial. Alguém tipo ele! Mas isso eu não dizia as claras. “
Página 88





Depois que ela se descobre apaixonada por ele, você rola de rir nas situações que ela se coloca para tentar conquistá-lo , acho que foi a parte do livro que mais ri.

Me identifiquei muito com a Cat, não com relação a popularidade quando adolescente, mas sim nos seus conflitos internos e sua luta contra a balança, acho que todas nós, mulheres passamos por esse conflito pelo menos uma vez na vida.

A autora deu um ar cômico a história que deu mais leveza ainda, mesmo tendo pontos que geram conflitos e fazem você pensar mais profundamente sobre os acontecimentos.

Gostei muito do final que a Laura deu ao livro, estou esperando agora pela continuação das atrapalhadas da Cat ( hehehehe), pois ela com certeza ainda fará muito mais, ainda mais depois do rumo escolhido para a vida dela.

 Minha opinião:

Personagens:

Cat  é carente, se sente como a filha não amada, devido a um fato que ocorreu ainda quando era recém nascida e levou para vida toda.  Mas é muito bacana da forma que ela se envolve em trapalhadas para conseguir seus objetivos. Sua luta contra o peso, nossa como foi relatada de maneira divertida pela autora, na hora me coloquei no lugar dela. Com relação a seus relacionamentos ela é totalmente azarada, não dá certo com nenhum... hehehehe
Mas porque não dá certo, só lendo o livro para saber?!

Amanda é a irmã mais nova de Cat, a caçula da família,está fazendo faculdade de medicina e  acaba namorando um ex da Cat que ela gostou muito. Ai já viu né?

Lucas é o irmão mais velho da Cat, saiu de casa pra estudar e trabalhar nos Estados Unidos, Cat é muito ligada a ele, e sente que é o único da família que ela pode desabafar.

Pirilampo é o personal da Cat, muito doido e gay assumidíssimo, hilário, mesmo tendo aprontado algumas com a Cat, se torna um super amigo.

Mônica e Fabi, amigas inseparáveis de Cat, o ombro direito e esquerdo dela, as duas também tem seus conflitos, mas que conseguem resolver de uma maneira magnífica.

Carmem é a pessoa que ela mais detesta no trabalho, nossa adoroooooo como ela trata Carmem, mesmo querendo matá-la.

Gente não vou me alongar senão vou colocar muitos spoilers, aí não fica legal!

Enfim, o livro me encantou do início ao fim, me fazendo rir e chorar ao mesmo tempo. Adorei tudo e estou doida para ler a continuação!



You Might Also Like

9 leitores apaixonados❣️

  1. Não sabia que tinha continuação, Milla.

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. o livro tem uma gramática boa de ler http://www.gilvonete.com.br/2013/10/blog-post_382.html

    ResponderExcluir
  3. Que gracinha deve ser o livro. *-* Preciso de um para dar umas risadas, só tenho lido distopia ou terror ultimamente. hahaha
    beijos
    apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Eu gostei logo de cara do livro só pelo título. E quando você disse que ele se apaixona pelo terapeuta dela, aí o interesse foi lá em cima. Quero muito ler.

    http://www.minhassimpressoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ainda tenho meio receio desse livro, a capa é tão estranha. Mas acho que vou deixar minha cisma de lado e dar uma chance :D

    Beijos.
    www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
  6. Olá Milla

    Gosto sempre de ter um bom chick-lit para ler em momentos em que quero uma coisa mais leve e divertida. Achei a ideia do livro bem interessante, vou anotá-lo.

    Abraços
    http://reaprendendoaartedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Amiga realmente esse livro é bem legal e a narrativa tbm, dei ele de presente a uma pessoa especifica e caiu como uma luva kkk
    Adorei sua resenha por que define o que esperamos desse livro, agora preciso comprar um para mim!
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  8. Eu tinha ficado bem curiosa para ler esse livro porque Freud é algo bem complexo e fiquei tentando imaginar como a autora ia incluir isso em um livro que promete ser leve e divertido.. Pelo visto ela conseguiu,, cada vez mais ansiosa para lê-lo ;D

    ResponderExcluir
  9. Adoro esse tipo de livro, que faz a gente dá boas risadas! ^.^
    Mas que situação, hem, se apaixonar pelo terapeuta? hahaha! Desafiando a ética profissional do homem!?
    Eu pensava que essa narrativa seria tipo aquela "Afinal, o que querem as mulheres". Que a Cat estudaria psicologia; tentaria fazer uma tese, com fase em Freud, para descobrir como se dar bem nos relacionamentos... sei lá. hahaha!
    E a irmã ainda se envolve com ex dela, que significou muito para Catarina? Aff! Tem que ser muito amor para uma falta de solidariedade feminina dessas. Sem falar no senso de esquisito, deve ser muito desconfortável, com o tempo dá para acostumar, mas inicialmente... #MuitoEstranho
    E já estou curiosa, por antecipação, com Só Gosto do Garotos Errados... acho que é esse o nome do segundo livro, não lembro direito. :$
    Gostei muito da resenha! ^.^

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Instagram

Assine

Follow

Linke-nos

Blog Canteiro de Obras Literárias