Entrevista # Mariana Melo Sgambato

05:34



Olá Galerinha!

Tudo bom?

Tem um tempinho que não trago esta coluna, mas retorno com uma super entrevista. Mas antes, quero apresentar a vocês a autora, quem tem as obras publicadas Beijos & Batom e Lembre-se de Morrer.






Mariana Mello Sgambato faz de sua imaginação o seu passatempo e escreve quase tudo o que imagina. Ganhou concursos literários nos anos de 1994-95-96, teve um roteiro de rádio premiado e produziu um curta-metragem de forma independente com colegas da faculdade. Formada em Comunicação Social – Produção Editorial, com diploma em Criação de Roteiro para Produções, é fundadora, editora e autora do Site Novelasteen. Seu livro “Beijos & Batom” tem lançamento previsto para agosto de 2012, durante a Bienal de SP.





1- Nos conte um pouco sobre você

Sou a Mariana Mello Sgambato, autora de Beijos & Batom e de Lembre-se de Morrer.


 2- Comente um pouco sobre a sua obra.

Beijos & Batom é um romance Young Adult conturbado, no qual os personagens enfrentam muitas confusões. Falo de temas como gravidez na adolescência, irresponsabilidade, enfim, coisas verossímeis e que fazem parte do dia a dia!
Lembre-se de Morrer é um romance sobrenatural muito intenso, também Young Adult. Nessa obra, tudo tem um significado a mais e propõe uma reflexão acerca dos mistérios da vida, da morte e do amor.


3 - Quais são seus projetos para o futuro?

Tenho alguns títulos a serem publicados entre 2014 e 2015, mas não posso ainda revelar títulos e editoras envolvidas. Mas posso dizer que envolvem romance, sexualidade e também a continuação de “Lembre-se de Morrer”.


4- Como você lida com resenha negativa do seu livro?

Não sei se dei sorte, mas não chegou nenhuma crítica negativa do meu livro. O que mais se aproximou disso foi um senhor que leu Beijos & Batom e se mostrou muito chocado com os temas abordados e com a falta de um “amor para a vida toda”, mas não considerei ruim, pois Beijos & Batom fala disso: de adolescentes que banalizam as palavras como amor, que confundem paixão com amor, que se apaixonam toda semana por uma pessoa diferente... e o falso moralismo de um país que tem crianças de 10 anos tendo bebês com taxas crescentes mês a mês, de forma assustadora!
Lembre-se de Morrer, ainda não li nada negativo, só críticas positivas de pessoas que se surpreenderam com a construção narrativa, os temas e a intensidade das coisas. É um livro único e muito simbólico! Nesse, existe um “amor para a vida toda”, creio que agradaria inclusive o senhor citado acima! Hehehe.


5 -Como você vê os blogues? Você acha que realmente ajudam os autores nacionais?

Alguns blogueiros infelizmente atrapalham o autor nacional, que já enfrentam tantos preconceitos e dificuldades....! E não me refiro  à críticas negativas, porque acho que faz parte alguém ler seu trabalho e não gostar, é real, sincero! Mas ultimanente vejo muitos blogueiros só querendo um “site pseudo-literário”, que diz ajudar o autor nacional, mas não compra livro de nenhum deles (especialmente se são iniciantes).
E isso só atrapalha, tanto o autor, como os blogueiros sérios que querem fazer a diferença no cenário nacional.
Em contra partida, existem blogs bem sérios, interessados, que você vê que a pessoa tem o blog porque gosta mesmo de ler, é sua paixão! E já leu tanta coisa que pode categoricamente fazer uma resenha positiva ou negativa que vai ajudar o autor nacional a se divulgar ou ainda, a melhorar seus pontos negativos!
Um blogueiro sério é mais importante que um crítico literário, na minha opinião, porque ele leu o livro com olhos de leitor, é a ele que um autor precisa agradar, não ao crítico. Por isso é um trabalho importante, o blogueiro acaba sendo aquele seu amigo que leu um livro e diz se vale a pena você gastar dinheiro para compra-lo, é o que ocorre com todo produto caro – outro problema que o livro nacional enfrente, é o preço de seu produto, que não é revertido em lucro pro autor.
Por esses blogs sérios é que o trabalho de um blogueiro é representado como vital para a literatura em geral, seja nacional ou internacional.


6 - Quais são suas maiores inspirações para escrever?

Depende muito da história! Beijos & Batom precisei de docinhos gostosos, uma música leve e divertida e meus domingos à tarde. Já Lembre-se de Morrer foi copiosamente chorado de saudades, regado à músicas clássicas intensas datadas do Romantismo, escrevia muito de madrugada!
Acho que varia do meu estado de espírito e normalmente, envolvem uma xícara de café e meus cachorrinhos esquentando meus pés!


7 - Qual seu objetivo como escritora?

Publicar em editora pelo menos uma obra por ano! Fora as que eu coloco como cortesias para baixar na Amazon / outros sites.  Só quero escrever, escrever, escrever....! Não vivo sem palavras... espero ser lida, só isso.

8- A literatura nacional ultimamente tem crescido muito. Na sua opinião qual seria o motivo desse crescimento?

É uma junção de coisas.
As editoras de Self-Publish ajudaram o autor nacional a existir, visto que as grandes editoras não davam muito valor à literatura nacional...  isso começou em 2002, ou seja, temos por aí 10 anos que os autores nacionais existem como uma força ativa e independente! O surgimento dessa força fez grandes editoras abrirem “selos nacionais” de publicação e com isso, o espaço apenas cresceu! A vinda da Amazon para o Brasil deu um boost no mercado de E-books, que sempre foi tímido e permitiu que ultrapassassem-se as barreiras físicas, visto que um simples download coloca o livro do autor nacional na mão do leitor. Sem esquecer os blogs literários (sérios), que se propõem a ler um livro nacional e divulga-lo para que mais pessoas percam o preconceito e leiam. Mas o que colabora mesmo com o crescimento individual de um autor é seu esforço, acreditar em sua obra, antigamente achava-se apenas que a Editora tinha que tinha que divulgar um livro, eu acho que ela deve divulgar sim, mas não só ela. É muito importante que o autor se junte a sua editora na divulgação. Se só um lado faz, a obra não anda, não adianta.
Falta ainda muita coisa, muitas editoras não possuem selos nacionais e as livrarias ainda não abrem espaço em suas estantes para autores nacionais com medo de que um autor mais “desconhecido” não venda. Mas acho que a Amazon e sua lista de ebooks mais vendidos prova o contrário! Acho que o mercado precisa acreditar mais em um autor nacional e o leitor também.


9- Se defina em uma frase.

Uma vez li que “Definir-se é limitar-se”! Talvez seja, mesmo, mas é muito difícil definir-se, ainda mais eu que sou tímida!


10- Deixe um recadinho para os nossos seguidores.

Primeiramente quero agradecer a entrevista e a oportunidade de conhecer a todos. Espero que depois da conversa, sintam-se inclinados a comprar um de meus livros para ler e me deixar a sua opinião! Vocês podem me adicionar no Facebook (página: Autora Mariana Mello Sgambato) e o Twitter (usário @Beijosebatom), respondo a todos J!

Obrigada e boa semana a todos!

Só tenho a agradecer a Mariana pela entrevista. Gostei muito das respostas!

E vocês o que acharam? Aguardo comentários!

Beijinhos!

You Might Also Like

23 leitores apaixonados❣️

  1. Adorei a autora, achei ela linda, e adorei as perguntas, nunca fiz entrevistas, mas pode ser legal, depois vou tentar, Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado! Tenta fazer entrevista sim, é muito legal poder entrevistar!
      Beijinhos

      Excluir
  2. Oi Mi,
    Não conhecia a autora e achei sua entrevista muito boa. Fiquei curiosa sobre as obras dela.
    Concordo que Self-publish ajuda mto novos autores e é uma ótima oportunidade.
    Bjs
    Aline Lima
    http://alinenerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu li Beijos & Batom e gostei muito , bem legal conhecer melhor a autora.

    Adorei a entrevista e como não conhecia o outro livro da autora vou procurar por ele.

    Bjssss

    Bianca

    apaixonadasporlivros.com.br

    ResponderExcluir
  4. entrevistas são sempre um prato cheio pra quem quer conhecer um pouco mais destas mentes criadoras que nos faz viajar. então quanto as vejo corro pra ler. adorei o "definir-se é limitar-se", vou usar pra sempre, rs.

    ResponderExcluir
  5. Ai que legal ameia entrevista passa la no meu blog, *.* Díario de Uma Menina Mulher Beijos Mariiah

    ResponderExcluir
  6. Ela parece ser legal, só não curti muito o que falou sobre blogs. Independente de comprarem ou não os livros, divulgação é essencial e isso os blogs fazem muito bem.

    www.pedrasnajanela.com

    ResponderExcluir
  7. Olá Mi, nossa que entrevista interessante. Eu conheço a autora e suas obras, mas infelizmente não li(ainda) nada dela, mas pretendo mudar isso. Hahahahahahaha
    Achei as respostas dela bem interessante, principalmente quando você perguntou sobre os blogs e as criticas negativas.
    Bom eu adorei ter conhecido a autora, e um pouco sobre suas obras. Parabéns pela entrevista minha amiga!

    Beijokas Ana Zuky

    Blog Sangue com Amor

    ResponderExcluir
  8. Oi Mila sério, adorei a entrevista!
    Achei super explicativa e complexa!!!!
    Eu conheço a autora, mais ainda não li :(
    Beijos
    http://umsonholiterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oiii, eu tenho muita vontade de ler Beijos e Batom, mais não conhecia lembre-se de morrer..
    Gosto de YA e saber que lembre-se de morrer é sobrenatural foi ótimo!!
    gostei muito da opinião da autoro sobre os blogs, eu não me importo de comprar livros nacionais, já comprei alguns e inclusive comprei depois de ter lido seja pela amazon o e-book ou o caso do book tour..
    Adorei d+ a entrevista e gostei muito de saber um pouco mais da autora!!

    beijos Mila
    http://www.dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Adoro ter a oportunidade de conhecer amantes das letras, assim como eu.
    Parabéns por mais essa pela iniciativa.
    Um grande beijo.

    http://petitmaketherapy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Uau Mi, amei oq ue ela falou sobre os blogueiro, ia comentar hj aqui o como vc me inspira a ler... eu fico pensando essa guria não só ler...rrss e a leitura nos leva em lugares jamais pensados... amei a entrevista.
    Bjs
    http://mariaulhoa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi querida, eu amei essa entrevista! É tão gostoso conhecer outros autores, seus começos e projetos.
    Beijo, beijo!
    She

    ResponderExcluir
  13. Oi Michele

    Gostei muito de conhecer a autora através de suas respostas na entrevista.
    Tbm acho que tem muitos blogs, não só os literários, que atrapalham quem está realmente querendo trabalhar direito!
    Muito bacana a visão da autora!

    Super bjos
    http://www.i-likemovies.com/

    ResponderExcluir
  14. Nunca li nenhum livro da autora, mas confesso que tenho vontade de ler os dois. Além de terem capas lindas, as histórias me chamam atenção. Adorei a entrevista e fico feliz que a obra da autora nunca tenha sofrido críticas negativas relevantes, é a prova de que qualquer autor pode sim coisa boa para todos!
    xoxo

    ResponderExcluir
  15. Fiquei super curiosa para ler este livro!
    Adoro esses posts!
    Beijos,
    http://peqenaruiva.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Amei a entrevista!!! me deixou muito curiosa sobre os livros da Mariana.

    http://soelassentendem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Adorei adorei :D
    to curiosaa pra ler
    bjos
    http://leticiarente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Mila!

    Adorei a entrevista e gostei muito da autora. Dá para perceber que ela tem opiniões fortes. Gostei muito dos dois livros e de como ela os desenvolveu. Vou procurar mais sobre ela. Ótimas perguntas. Parabéns!

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Não conhecia a autora,ele é bem conceituada pelo que vi!
    Achei interessante a resposta dela sobre os blogues,se eles ajudam ou não os autores nacionais.Concordo com oque ela disse,sobre blogueiros que falam sobre um livro sem ao menos ter lido...Já vi muito disso.
    Bjs e parabéns pela bela entrevista!
    www.vaidosaseinteligentes.com.br

    ResponderExcluir
  20. Oi Milla!
    Não conhecia a autora.
    Muito legal você fazer entrevistas com autores nacionais, =D
    Bjo!

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Eu não conhecia a autora e é muito bom ver os blogs dando mais espaços para nossos autores.
    Bjs, ROse.

    ResponderExcluir
  22. Adorei a entrevista, eu não conhecia a Mariana e achei muito interessante a forma como ela vê os blogueiros e a ajuda que damos aos autores nacionais. Ela tem total razão quando diz que alguns apenas atrapalham.

    http://worldbehindmywall.fanzoom.net/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Instagram

Assine

Follow

Linke-nos

Blog Canteiro de Obras Literárias