Resenha # Popular

08:55

Maya nunca foi uma garota popular. Na verdade, ela era a menina invisível da escola. E para completar, os óculos e uma fascinação por Guerra nas estrelas e O senhor dos anéis não ajudavam em nada sua ascensão na escala da popularidade. Só que tudo isso estava prestes a mudar. Um pouco antes do início das aulas, Maya achou na biblioteca de seu pai um exemplar empoeirado de O guia da popularidade de Betty Cornell, um livro escrito por uma ex-modelo adolescente super glamorosa... Da década de 1950!
Apesar das ideias um tanto antiquadas, Maya aceita o desafio proposto pela sua mãe e decide seguir durante todo o ano letivo os conselhos escritos para meninas que podiam ter sido amigas de sua avó. Então a mágica acontece!
Os resultados da experiência de Maya são divertidos, engraçados e emocionantes, sem deixar de lado os micos, as tristezas e as pequenas desilusões que fazem parte da vida de qualquer adolescente. Com bom humor e presença de espírito incansáveis, Maya conquista amigos, muda seu visual e ganha autoconfiança até finalmente descobrir o que realmente significa ser popular.
Popular Dicas vintage para ser uma garota descolada é um diário que une duas adolescentes de décadas aparentemente muito distantes, mas que enfrentam todos os dias os mesmos dilemas. Afinal, sobreviver à escola nunca foi uma tarefa fácil, não importa a época, nem o lugar. Só que agora, além da ajuda clássica de Betty Cornell com suas pérolas, cremes antiacne caseiros e meias de seda, as adolescentes também contam com as experiências hilárias de Maya Van Wagenen, que mostram que é possível ser ao mesmo tempo nerd, glamourosa e ter muitos amigos.


Autora: Maya Van Wagenen  // Páginas 279  //  Editora: Globo Livros  // Classificação: Ruim  // Onde Comprar: Amazon   Livraria da Folha  Saraiva  Livraria Cultura



Resenha

Popular conta a história de Maya, uma garota nada popular e que sofria por isso e no início do livro, tem uma lista com uma escala de popularidade da escola onde ela estudava, achei bem interessante, pois começa dos nobres e termina com os considerados plebeus.

Através de seu pai que lhe dá um livro que foi escrito por Betty Cornell, uma ex- modelo adolescente, em 1951, que contem conselhos para mudar ou melhorar seu status social, ela começa a colocar em prática, os conselhos dela e conta com a ajuda de sua amiga Kenzie.



"O livro de Betty Cornell foi publicado há mais de sessenta anos, mas mesmo assim, de alguma forma, atravessou um longo intervalo de tempo e espaço. Ela viu o que eu secreta e desesperadamente desejava. Mais que isso, ela prometia me ajudar a conseguir isso."
Página 17


Em cada mês do ano letivo do qual estava, Maya iria seguir as dicas da ex- modelo.



"Espero que no final do oitavo ano eu saiba o que é ser popular. Mas não quero apenas ser capaz de definir o termo: quero experimentá-lo."
Página 20 


Então após o feriado prolongado, Maya dá o primeiro passo para a sua mudança, que seria a dieta. A cada passo, que ela lia, seguia a risca, para saber o que era ser popular, o que sinceramente nunca achei importante a tal ponto de mudar tudo em mim.

O final do livro me pareceu meu óbvio demais.




Considerações



Sinceramente, esperava mais um pouco desse livro, pois ele me pareceu ser um livro de auto ajuda, em forma de diário, o que me fez arrastar na leitura, pois não me senti conectada com a história.


Os lugares e os personagens , são bem descritos, mas não me empolgaram de forma alguma.


Achei a narrativa arrastada, tanto que foi o livro que mais demorei a ler, mesmo com poucas páginas.


A diagramação e revisão, estão perfeitas.


Mesmo não tendo apreciado a história, por não ser um gênero literário que me atraia, eu aconselho a todos a lerem e tirarem suas próprias conclusões.






You Might Also Like

10 leitores apaixonados❣️

  1. Oiee ^^
    Não conhecia o livro, mas só pela capa e sinopse já não o leria. Essa coisa toda de querer ficar popular já me encheu o suficiente *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nossa tem cara de ser bem sessão da tarde, vi o livro numa banca de jornal perto do meu trampo e me chamou atenção, por ser mas puxado pro estilo juvenil e tbm pq a maioria de livros assim ser uma leitura agradavel. Mas ai vejo sua resenha e que pena que vc não se conectou, agora fiquei com pé atras
    http://contodeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oie, tudo bom?
    Eu já tinha lido resenha e muitas pessoas não curtiram a história. A premissa parece interessante, mas pelo visto a narrativa não empolga muito. Eu até curto o gênero, mas fico com receio de não curtir a leitura.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Não conhecia o livro, mas a premissa não me chamou atenção, ainda mais depois da sua resenha. Tenho pavor de livros cansativos e de leituras que se arrastam, sempre acabo abandonando a leitura.
    Beijos

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Mi,
    quando li o título pensei que fosse algo mais divertido, mas ao que parece não é assim. acho esse negocio de ser popular meio sem graça e completamente cruel, mas enfim. vou deixar de lado.
    bjs

    Antonio Henrique Fernandes
    www.navioerrante.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi, flor.
    Devo dizer que não curti a proposta do livro. E não me surpreendeu o fato de que o final não surpreendeu você (rs). Parece que o livro inteiro não traz novidades, o que é uma pena... :/

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    A premissa do livro realmente é interessante, mas narração arrastada ninguém merece. Quer me matar de tédio é me dar um livro assim, rs.
    Então, essa leitura eu deixo passar
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Já tinha ouvido sobre o livro no youtube,mas depois da sua resenha e considerações não sei se o leria, narração devagar demais me desanima, já estou tão desanimada em ler e cansada que passo.

    bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi Mila, tudo bem?

    Pena que o livro não empolgou! Achei a sinopse interessante, mas, claro, uma resenha negativa sempre deixa a gente com um pé atrás.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  10. Sinceramente, não sei se encararia esta leitura. Pela história, achei que fosse mais interessante e tal, mas visto os pontos negativos, acho que não leria mesmo, além de não fazer meu estilo, mas acredito que quem curta o gênero, Popular será uma boa leitura.

    Beijos.

    www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Instagram

Assine

Follow

Linke-nos

Blog Canteiro de Obras Literárias