Resenha # Maschere - Mascaras da Vida

09:14

Após três anos da morte trágica de seu noivo, Karen passa a receber a visita de um misterioso homem cuja face ela jamais consegue ver.


Quem seria esse homem? Seus instintos, embora pareça que ela está enlouquecendo, gritam para ela que ele é seu noivo morto, cujo corpo jamais fora encontrado.

Com isso, ela passa a reviver todos os dramas que já estavam adormecidos.

Entre uma tentativa de assassinato e uma dolorosa recuperação, Karen precisa descobrir a verdade que lhe foi escondida por aqueles a quem ela mais ama e enfrentar todos os medos que a atormentam.

Com tantos obstáculos, só a persistência e o amor serão capazes de fazê-la superá-los e alcançar a felicidade.



Autor: Marcia Reis Macevan
Páginas: 224
Editora: Angel
Onde Comprar: Editora Angel
Classificação: 




Segundo livro da Editora Angel. Recebi esse e o "Minha Querida Chefe" juntos (pode ver a resenha anterior clicando aqui) e resolvi ler esse por ultimo. Para quem não leu a minha resenha anterior, por favor, leia. Para quem leu, já sabe minhas decepções.
Se eu tivesse lido Maschere primeiro, o Minha Querida Chefe seria uma decepção maior. Esse livro é mil vezes mais estruturado. Ele não te entrega de bandeja. Você fica com um mistério e é isso que te faz prosseguir na leitura.

A escrita é simples e básica, mas não é pobre e simplória, se é que entendem. Flui rapidamente e te envolve.

Uma negativa desse e outros romances ainda é o fato da protagonista ainda ser uma mulher frágil e completamente mercê do seu parceiro. Aqui mais parece ser uma cachorrinha super obediente ao dono. Se ele diz que ela não pode se aproximar, ela não chefa perto mesmo que em seus pensamentos ela esteja se contorcendo para fazer o contrário da ordem imposta.

Gosto de protagonistas com atitude. No lugar dela, eu já teria me estressado, dado dois tapas no cara (que só faz cu doce) e conseguido o que queria. Mas eu sei que essas atitudes passivas da protagonista se é necessário para a história continuar. Porém, ao passar os dias nessa situação igual, você, como leitor, começa a sentir que falta evolução e se torna quase desnecessário e acaba começando a pular as páginas para avançar logo a história. 

Felizmente, a situação vai mudando aos poucos e os protagonistas começam a se entender, mas a insegurança da menina e igualmente a dele (pela primeira vez, retirando a exceção que é Crepúsculo é a primeira vez que eu vejo um personagem masculino com mais insegurança que uma mulher). Após esse curto período deles se entenderem e a felicidade reinar, novos obstáculos surgem e é hora de mostrar que a protagonista pode não ser só uma cachorrinha a mercê desse amor avassalador.

Mas mesmo com um pouco de evolução da personalidade dos protagonistas, ainda temos um ciclo vicioso de desentendimento, reatação do namoro, desentendimento, reatação. E isso depois de um tempo faz com que você comece a sentir raiva de tanto disse-me-disse, do orgulho exacerbado dos protagonistas. Vontade de ter dado dois tapas na cara de cada um, pois tanta dor poderia ter sido evitada se parassem de orgulho e conversassem logo. Mas é normal, eu mesma me vi em algumas situações. Eu sou cabeça dura e muito orgulhosa e não agiria diferente que eles numa história mal contada como aquela.



As cenas mais picantes são carinhosas, atenciosas e bem escritas, deixaria qualquer mulher derretida pelo Julier e comentando o quanto a Karen é uma sortuda por ter esse partidaço em seu lado. 

You Might Also Like

12 leitores apaixonados❣️

  1. Parece ser um bom livro. Eu não conhecia a editora e nem as obras. Gostei de saber que a leitura é simples e flui bem. Adoro livros assim...acho que iria gostar bastante.
    Ficaria muito feliz em receber sua visita. Te espero lá!
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  2. Olha sinceramente gostei da trama do livro.
    Me parece ser um livro muito bom e que tem um bom desenvolvimento.
    Mas eu acho que não seria um livro que pegaria para ler no momento sabe?
    Acho que tem hora e momento certo para ler algumas obras e acho que a minha não é agora.
    Mas mesmo assim vou anotar a dica, porque gostei de tudo que você escreveu. Gostei do seu ponto de vista.
    Parabéns e continue escrevendo assim, porque tá muito bom mesmo.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/09/resenha-o-segredos-dos-elfos.html

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Até gostei da capa misteriosa do livro, mas esse lance de protagonista frágil me deixa um pouco com o pé atrás.
    A história parece interessante, mas acho que a leria em um outro momento, não agora.
    Gostei da resenha e dos pontos que você ressaltou.
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
  4. Olá.
    Nesse gênero acho bem comum vermos mulheres como "cadelinhas", sempre submissas. É uma das coisas que deveria mudar também na literatura. Não leio muito isso, mas é frequente ver isso.
    Abraços

    http://clicheimperial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oiee ^^
    Sabe que eu acabei gostando mais do "Minha querida chefe"?. "Maschere" foi uma grande decepção para mim, não gostei dos personagens e do rumo que a história tomou, a escrita da autora não conseguiu me prender, e, assim como você, não curti as ações passivas da personagem. Odeio personagens assim *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Ola lindona gosto desse clima de suspense, mas o fato da protagonista ser uma marionete me irrita um pouco, gostei de saber que os homens tem lá suas inseguranças nos parecendo mais humanos e não aqueles super ceo da vida. Estou com esse livro para ler, espero que a leitura flua bem para mim . beijos
    A capa está linda em clima de mistério.
    beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Não gosto de mocinhas assim sem vontade própria por isso não leria.
    Não to mais com mocinhas assim que faz tudo que o mocinho quer.
    A capa achei muito linda, mas depois da sua resenha passo rsrs
    Amei sua resenha
    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oie, tudo bem ? Não conhecia este livro e amei a capa, achei ela muito enigmática é bem trabalhada, sobre a história fiquei bem curioso para saber de todos os fatos e ler toda a história, mas no momento estou atrasado com meus livros então vou deixar para a próxima, mas adorei conhecer o livro rs, abraço

    ResponderExcluir
  9. Olá

    Só conheço alguns livros dessa editora, esse eu não conhecia e a premissa não chamou minha atenção,não gosto de protagonistas assim, então deixo passar a dica.

    Bjss

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Não gostei desse enredo, uma mocinha no mesmo ciclo vicioso, e sem vontade própria não é meu estilo.
    Vou passar essa indicação

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem?

    Eu li esse livro e o defino como uma bela novela mexicana. rs
    Novelas mexicanas são as que tem tanta reviravoltas e vai e ve, ainda assim, a leitura é gostosinha. Concordo com todos os pontos que vc destacou, tanto os positivos quanto os negativos.
    Adorei a resenha.

    Beijo!
    Ana.

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Eu li esse livro e a princípio achei que era fantasia, mas depois vi que não era nada disso.
    A história é muito boa e eu fiquei fascinada para desvendar todo o mistério.
    Amei a sua resenha.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Instagram

Assine

Follow

Linke-nos

Blog Canteiro de Obras Literárias