Resenha # Um Perfeito Cavalheiro

08:00

Sophie sempre quis ir a um evento da sociedade londrina. Mas esse é um sonho impossível. Apesar de ser filha de um conde, é fruto de uma relação ilegítima e foi relegada ao papel de criada pela madrasta assim que o pai morreu. Uma noite, ela consegue entrar às escondidas no baile de máscaras de Lady Bridgerton. Lá, conhce o charmoso Benedict, filho da anfitriã, e se sente parte da realeza. No mesmo instante, uma faísca se acende entre eles. Infelizmente, o encantamento tem hora para acabar. À meia-noite, Sophie tem que sair correndo da festa e não revela sua identidade a Benedict. No dia seguinte, enquanto ele procura sua dama misteriosa por toda a cidade, Sophie é expulsa de casa pela madrasta e precisa deixar Londres. O destino faz com que os dois só se reencontrem três anos depois, Benedict a salva das garras de um bêbado violento, mas, para decepção de Sophie, não a reconhece nos trajes de criada. No entanto, logo se apaixona por ela de novo. Como é inaceitável que um homem de sua posição se case com uma serviçal, ele lhe propõe que seja sua amante, o que para Sophie é inconcebível. Agora os dois precisarão lutar contra o que sentem um pelo outro ou reconsiderar as próprias crenças para terem a chance de viver um amor de conto de fadas. Nesta deliciosa releitura de Cinderela, Julia Quinn comprova mais uma vez seu talento como escritora romântica. 

Autora: Julia Quinn
Páginas: 295
Editora: Arqueiro
Onde Comprar: Submarino  //  Saraiva  //  Amazon
Classificação:





Um Perfeito Cavalheiro, segue um pouco diferente dos livros O Duque e Eu e O Visconde Que Me Amava, pois se trata de uma releitura da história da Cinderela, envolvendo Benedict Bridgerton e Sophie, a filha bastarde do Duque Richard Gunningworth, que vê sua vida mudar ainda bem pequena quando seu pai ( que nunca a assumiu e dizia a todos que era seu tutor ) se casa, pois sua madrasta Araminta não gostava dela e ainda tinha duas filhas que se chama Posy e Rosamund.



"A condessa segurou o queixo de Sophie, apertou e puxou até que a menina foi forçada a fitá-la nos olhos.
- Escute o que vou dizer - continuou ela em tom de ameaçador. - Você pode viver aqui em Penwood Park e pode ter aula com minhas filhas, mas não passa de uma bastarda, e é tudo o que será. Nunca, nunca cometa o erro de pensar que é tão boa quanto o resto de nós."
Página 15


Passa um tempo e o pai de Sophie morre e aí sua vida muda ainda mais, pois sua madrasta a trancafia na cozinha para servir a ela e suas filhas.

Sophie fica radiante com o convite para o baile na casa da família Bridgerton, , mas nunca poderia ir e arrumar um marido como suas "irmãs", sua obrigação era aprontá-las para o grande dia delas, mas sem ela saber e contando com uma ajuda especial, ela acaba indo ao baile.


Benedict assim como seus irmãos, não eram fãs dessas festas que sua mãe promovia, pois com certeza era para arrumar alguém para eles, mas nesse baile ele conhece uma mulher linda e fabulosa, mas totalmente mascarada e que nunca viu na vida.



"Mas havia algo naquela mulher que o deixou hipnotizado. Era o  sorriso dela, o formato dos olhos, a forma como se portava e olhava ao redor do salão de baile como se nunca tivesse visto nada glorioso do que os tolos membros da sociedade vestindo fantasias ridículas."
Página 36


Sophie não revelou sua identidade para ninguém, pois à meia noite sua vida de gata borralheira iria voltar, mas Bnedict faria de tudo para descobrir quem é ela, pois está totalmente encantado por aquela mulher enigmática que lhe deixou somente sua luva como lembrança.


Após o baile ele vai a procura daquela mulher e após algum tempo, chega na casa do falecido Duque de Gunningworth, mas acaba conhecendo Posy e Rosamund e a mãe delas Araminta acaba descobrindo a verdade e joga Sophie no mundo.

A história dá um salto de dois anos, trazendo uma Sophie mais alegre sem os maus tratos de sua madrasta e um Benedict triste por não encontrar sua dama, só que ele não sabia, mas acabou salvando sua dama, mesmo sem saber  de seus "amigos" levando-a para trabalhar na casa de sua mãe.

Quanto mais tempo passavam na presença um do outro, mais ligados ficavam, até que Benedict faz uma proposta que a deixa magoada, mas queria ele mesmo assim.


Violeta assim que conheceu Sophie, viu que ela não é quem dizia ser e vai fazer de tudo para descobrir sua origem.


Quando Sophie acha que sua vida não pode piorar, acontece algo que a deixa no fundo do poço, mas Benedict foi ao seu socorro e ficou sabendo de toda a sua história.






Simplesmente apaixonada por essa história, tudo bem que é uma re-leitura de Cinderela, mas a autora inovou bastante, pois não imagino um "príncipe" tendo algumas atitudes que Benedict teve.


Os personagens continuam com uma construção maravilhosa, impossível não se apaixonar por Sophie e odiar sua madrasta Amarinda.

A narrativa é bem fluída e contagiante, tanto que li em poucas horas doida para saber de tudo o que iria acontecer.


A diagramação e capa estão perfeitas, assim como a revisão que sempre está impecável.




You Might Also Like

26 leitores apaixonados❣️

  1. Então, eu não gosto muito de releituras de livros já existentes não... eu sempre fui louca para ler Os Bridgertons mas acabei me desanimando com o fato de ser releitura... Mas não dá pra negar que as capas são lindas né? Sua resenha foi um ponto positivo e tá até me dando um pontapé pra ler a coleção, mas apesar de amar histórias de época, acho que ainda vou aguardar um pouco para lê-la.

    Abraço.
    http://dialetica-literaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Michelle, esse é o livro que mais estou curiosa para ler depois do quarto livro.
    Vou começar a segunda leitura e a Julia já me cativou. Confesso que não curto muito quando os romances de época faz uma analogia ao contos de fada, me parecem preguiça do autor. Mas nesse caso espero está errada já que estou adorando Os Bridgertons.

    Abç,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  3. Amo essa série...
    Os Bridgertons são incríveis e extremamente cativantes, ainda não li esse livro, pulei do segundo volume diretamente para a história do Colin (meu crush na série kkkkk) e acabei tendo que dar uma pausa forçada na leitura, mas já estou com todos os livros publicados em mãos e estarei lendo eles tão breve quanto possível.

    Beijos
    Sou bibliófila

    ResponderExcluir
  4. Ahhhh minha diva dos romances históricos Julia Quinn sempre trazendo obras pra lá de apaixonantes. Impossível não suspirar e morrer de amores! Um grande beijo!
    http://www.lostgirlygirl.com

    ResponderExcluir
  5. Quero muito ler os livros da Julia Quinn, estou sempre lendo resenhas maravilhosas a respeito dos livros dela, mas essa releitura em especial, vem chamando muito a minha atenção, Cinderela é um clássico. Já me pego imaginando qual a reação de Sophie quando Benedict propõe que ela seja sua amante.
    Vou compra esse e os outros livros dela para ler em breve.

    Bjus Emy

    http://blogpsicoses.blogspot.com/2016/01/psicoses-comenta-dominados-mila-wander.html

    ResponderExcluir
  6. Tenho lido muitas resenhas sobre está série e a cada uma que leio está me motivando seriamente a ler, não sou muito chegada em romances de épocas mais depois de tantos comentários positivos estou mudando de opinião, gostei de saber que os personagens são bem construídos e de que a narrativa é fluida espero poder me apaixonar pela série assim como você beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem.

    Ganhei este livro de presente de aniversário em 2014. E ainda não li, por não ter lido os outros livros. Mas lendo sua resenha, acho que daria para assim mesmo né? Mas acho que vou esperar mais um pouco até ter os outros. Estou bem animada para começar a série. Quero entrar neste mundo de romances de época.

    beijos
    http://livrosfilmeseencantos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Não vi nada demais nessa releitura. Tudo bem que não curto romances de época, mas fazer releituras de clássicos é um perigo, pois qualquer mudança muito drástica, tira o real sentido da história.

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Eu estou louca por essa série e quero ler todos. Acho romances de época verdadeiros charmes e me encantam com a belaza na escrita. Nunca li nada da autora, mas essa série me chama rsrsr eu também amo releituras e pelo que vi na sua resenha, essa é apaixonante

    ResponderExcluir
  10. Todos os dias praticamente leio uma resenha de algum livro dessa série, nem tenho mais o que falar kkkkkkkk.
    Eu tive meu primeiro contato com um livro romance de época ano passado e foi paixão á primeira página kkkkkkkk, nunca li nada da autora, mas sempre vejo comentários positivos sobre a escrita dela, e elogios maravilhosos sobre os livros, preciso provar.
    Além da premissa ser muito top.

    ResponderExcluir
  11. Ainda não li nada da Julia Quinn e a cada resenha, morro de vontade de parar tudo e conhecer a escrita desta mulher que arrebata a maioria dos leitores. Adoro romances, mas li pouquíssimos de época e espero reverter a situação com esta série. Sua resenha me deixou mais curiosa ainda!!!
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oiee

    Eu sou apaixonada por essa série! Não curto muito re-leituras mas autora fez um trabalho espetacular, não tem como não se encantar com a história.
    Eu também li em poucas horas rs.
    Adorei sua resenha.

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Eu gosto de re-leituras de contos famosos. Acho que se o autor é bom, ele consegue dar outra cara para a história. Já vi várias roupagens para Cinderela e não me canso :)
    Beijos!
    http://caindonacultura.com

    ResponderExcluir
  14. Oie!
    Esse livro é lindo! A Julia Quinn surpreende quando faz essa releitura da Cinderela com um dos irmãos Bridgertons. Eu fiquei ainda mais encantada com a autora, e como sempre, já desejando o próximo livro. Julia Quinn é muito fofa, e seus romances são ótimos.
    Bjks!
    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
  15. Oii, tudo bem?
    Eu já o primeiro livro da série e a leitura não me cativou muito, mas eu sempre vejo elogios, então pretendo dar outra chance. Eu acredito que iria gostar muito desse livro, pois tem um pitada da historia da Cinderela rsrs

    ResponderExcluir
  16. Oiiê
    Nossa eu fiquei bem surpreso em saber que esse livro da Julia era uma releituras. Rsrs, eu sou muito fã de livros assim, mas ainda não li nada da autora. Como essa série é uma história por livro, acho que vou da uma chance e ler apenas esse título. Adorei saber que mesmo sendo uma releituras a autora consegui inovar e com certeza impressionar muita gente por aê.
    Abçs

    ResponderExcluir
  17. Oi!
    Esse livro, assim como toda a série, é muito lindo! Confesso que não gostei de algumas atitudes do Benedict, mas depois de algumas páginas sempre o perdoava haha
    A narrativa da autora é maravilhosa e ela conseguiu mesmo inovar nessa releitura!
    Beijos
    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/02/resenha-orgulho-e-preconceito.html

    ResponderExcluir
  18. A escrita da Julia é deliciosa, estar éo livro que estou mais ansiosa para ler por se tratar de uma releitura da cinderela, eu amo esse conto de fadas.
    Adorei sua resenha só me deu mais vontade de ler.
    Beijos

    Giuliana

    ResponderExcluir
  19. Vou confessar que não li sua resenha, essa série está nas minhas metas de leitura deste ano e não quero spoiler... rsrs
    Depois que ler volto aqui pra dar minha opinião! :)

    http://conchegodasletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Eu ainda não me aventurei na leitura dos livros da Julia Quinn.
    Eu tenho os 4 primeiros livros e estou bastante curiosa, porque todos tem comentado muito bem sobre eles.
    Mas eu não vou ler com tantas expectativas para nao me decepcionar, ainda mais porque estou entrando nesses romances de época agora. Só li MUITO MAIS QUE UMA PRINCESA até agora e não peguei mais nenhum acredita? Mas espero curtir muito os livros da autora, porque sei que cada livro conta a estória de um determinado personagem e isso tem me agradado muito. Espero ler assim que puder.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/02/resenha-memorias-de-uma-gueixa.html

    ResponderExcluir
  21. adoro os livros da Julia
    é impressionante a forma como ela escreve...é surpreendente!
    já li quase todos dela rs
    bjs

    ResponderExcluir
  22. Gente, não sabia que era uma releitura, agora fiquei ainda mais empolgada para conferir a trama. Achei sensacional, pois além de ser romance de época, é uma releitura da Cinderela? Preciso ler!
    Ainda não conferi nenhum livro dessa série, mas desse ano não passa!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  23. Só li o primeiro livro da série, mas estou louca pra chegar nesse só porque é uma releitura da história da Cinderela! *-* Realmente já ouvi dizer que a autora inovou, mesmo sendo uma releitura, e estou super ansiosa pra conferir essas atitudes do Benedict que não tem como imaginar em um príncipe... rs... É bom saber que os personagens são bem construídos, isso é algo importante para mim.

    Beijo.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  24. Tenho sérios probleminhas com o gênero e não tenho vontade de ler essa série, esse é o único livro da série que me despertou a curiosidade de ler por se tratar de uma releitura da Cinderela (e olha que ela não é minha princesa favorita!)

    http://deiumjeito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Oe, tudo bom?
    Não sou de ler muitos romances de época, mas eu leria esse livro por ser uma releitura de Cinderela, hahaha.
    Até mais!

    ResponderExcluir
  26. Benedict é um doce,sophie encantadora!
    Vale muito a pena ler!
    Série perfeita!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Instagram

Assine

Créditos

Template base por: Ipietoon Cute Blog Design
Modificado por: Ge Benjamim Ge - Capista, Diagramadora e Web Designer

Linke-nos

Blog Canteiro de Obras Literárias