Resenha # As Ninfeias Negras

10:00

TRADUÇÃO: FERNANDA ABREU 
PÁGINAS: 352 PÁGINAS 
ISBN: 9788580416329 

Giverny é uma cidadezinha mundialmente conhecida, que atrai multidões de turistas todos os anos. Afinal, Claude Monet, um dos maiores nomes do Impressionismo, a imortalizou em seus quadros, com seus jardins, a ponte japonesa e as ninfeias no laguinho. É nesse cenário que um respeitado médico é encontrado morto, e os investigadores encarregados do crime se veem enredados numa trama em que nada é o que parece à primeira vista. Como numa tela impressionista, as pinceladas da narrativa se confundem para, enfim, darem forma a uma história envolvente de morte e mistério em que cada personagem é um enigma à parte – principalmente as protagonistas. Três mulheres intensas, ligadas pelo mistério. Uma menina prodígio de 11 anos que sonha ser uma grande pintora. A professora da única escola local, que deseja uma paixão verdadeira e vida nova, mas está presa num casamento sem amor. E, no centro de tudo, uma senhora idosa que observa o mundo do alto de sua janela.



"Num vilarejo, viviam três mulheres. 
A primeira era má; 
A segunda, mentirosa; 
A terceira, egoista."


O que falar desse livro? Eu simplesmente me apaixonei na primeira linha. Sei que enrolei horrores em trazer a resenha desse livro quando eu terminei ele, mas simplesmente não sei nem por onde começar a escrever sobre ele (e isso porque minha boca só sabe falar de Ninféias Negras para qualquer um que me pergunte uma boa leitura no momento). Mas é engraçado que quando mais você gosta de algo, é mais difícil decidir o que falar, como falar e quando falar. Tudo te encanta e te prende e você quer que o outro também goste daquilo como você gosta, mas ao mesmo tempo não quer estragar a experiência dele em descobrir esse sentimento. E é assim que eu me sinto em relação a escrever sobre este livro. 

O livro é muito mais que uma narrativa. Ele foi uma experiência singular. Um Thriller Policial com um mistério até o ultimo minuto. E olha que eu adoro suspense (e acabo descobrindo toda a trama na metade do livro), mas esse foi bem diferente. Até nos últimos parágrafos o quebra-cabeça apresentado fazia pouco sentido. 

A ambientação do livro também não é de deixar a desejar. A um bom amante de artes, esse livro é um deleite. Além de um crime bem incomum onde todas as pistas não fazem muito sentido, temos em outro lado as pinturas impressionistas de Monet, em especial as coleção Ninféias. Além de coisas realmente biográficas sobre o autor, temos também uma espécie de lenda que ronda os entusiastas em arte e pintura, a qual dá o título a essa obra literária. 

Não quero estragar surpresas do livro, então não vou entrar em detalhes (a obra realmente é imersiva e você vai querer devorar o livro para descobrir todos os mistérios que se apresentam). A forma que ele inicia o livro, apresentando 3 moças de diferentes idades e personalidade já deixa o leitor instigado a ler mais e mais e procurar onde tudo aquilo se encaixa. Sei que não irá se arrepender em procurar mais sobre o livro e começar a leitura. E mesmo que ache isso chato, já tem várias curiosidades sobre Monet e outros artistas que dá para soltar em rodinhas de amigos e pagar de culto, o que já vale (risos). 

O livro merece a devida atenção de você leitor, pois qualquer detalhe já muda o roteiro em sua mente. 




Miaka Freitas, criadora dos blog Um Sofá À LareiraUniverso Atakima e canal Insônia Nerd.Já foi colunista do Clube do Livro MA e As Leituras de Mila, nos anos de 2014 a 2015. Gosta de falar de livros, games, séries, desenhos animados,filmes e colecionismos. É uma viajante entre mundos, não gosta de ficar parada. Para saber mais desses outros assuntos, podem também visitar as redes sociais =) 









You Might Also Like

0 leitores apaixonados❣️

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Instagram

Assine

Follow

Créditos

Template base por: Ipietoon Cute Blog Design
Modificado por: Ge Benjamim Ge - Capista, Diagramadora e Web Designer

Linke-nos

Blog Canteiro de Obras Literárias